Arquivo do autor:tcho

Rua Fraiburgo pelo Brasil?

Tchozinhos(as), como vão vocês jaguarinhus?

Existe alguma forma de morar em Fraiburgo sem ser a cidade de Fraiburgo e ainda viver em uma cultura que não inclui o pinhão como sagrada? Potencialmente sim e é o que vamos mostrar abaixo.

Fazendo um levantamento do nome de Fraiburgo na base do IBGE, filtrei as seguintes informações das cidades onde há ruas com o nome de “Fraiburgo”. Fiquem a vontade para dar uma negaciada (olhada atenta) para ampliarem seus conhecimentos de mundo, se não de Brasil.

Uma observação, tanto o IBGE como os Correios usam bastante a “logradouro”. Particularmente, como mamífero da classe “tchô”,  “logradouro parece como o lugar que te logram. Quem nunca usou essa costura vocabular para equilibrar uma conversa como por exemplo: “- Mas pare tchô, não me logre!”

Para a piazada interessada em conhecer mais esses trabalhos de análise de dados georeferenciados e inteligência artificial – vejam este post – Inteligência artificial geográfica: como misturar Geografia e IA

Aquelas cidades antigas

Sabe aquelas cidades antigas, com centenas de anos de história, guerras, mudanças de idiomas ao longo dos anos, novos povos e etc?. Fraiburgo é um dessas só que com menos de 100 anos, bem menos de 100 anos.

Nesta foto abaixo é a praça Maria Frey criada em 1994.

Do Instagram – NossoAmadoFrai

Nesta quando a linda jovem esta se aproximando dos 46 anos no dia 27 de dezembro de 2007.

Por Joni Hoppen

O mundo pode ser grande e diverso, mas Lá no Frai é assim!

Hotel do Arcoiris

Caros tchozinhos e tchozinas do super Frai!

Ontem, abri o celular e havia pelo menos uns 90 mensagens com vídeos do incêndio do Hotel BIZ (anexo ao hotel Renar). O celular estava quase travando! Obrigado pelas marcações e envios!

Bom, como falamos no Frai, quando algo é perigoso ou tenso, dizemos – Bah tchô foi bixo feio o negócio! No caso do hotel foi mesmo, mas como já comentei neste artigo –  A difícil arte de promover Fraiburgo  – não vou colocar nada daquelas imagens. Com isso resolvi fazer o inverso e regatei uma das capturas mais bonitas que já vi do Hotel.

Esta linda captura foi em novembro de 2014 e tirada pelo Fabiano Godoy Fabiciack. Um verdadeiro presente, aos olhos, ao espirito e ao orgulho de ser do Frai! Não tá morto quem peleia!

Um abracito a todos vocês jaguarinhus, o Frai vai recolher todos os butiá que se jogaram dos bolsos ontem!

Hotel Renar com arcoíris ao fundo. Por- Fabiano Godoy Fabiciack

Quem promove o Frai Lá no Frai?

Tchozinhos e tchozinhas,

É verdade, mais pessoas estão ajudando a divulgar as coisas topinhas do Frai. Vejam só, o Instagram do “Nosso Amado Frai” para conferir o trabalho deles. Selecionei apenas duas das fotos!

Lá no Frai, sempre apoia essas iniciativas! Vamos em frente porque não está e nunca estará morto quem peleia tchô! Nem que caia um par de butiá dos borso!

Boa semana!

Meu amado Frai

Meu amado Frai

Conhecendo o Radar de Fraiburgo

Galeritchos,

Fraiburgo tem algumas tecnologias que tiveram grande impacto nem nossas vidas e na vida de suas bilhares de maçãs. Uma delas é a previsão de granizo através do radar lá dos lados de Lebom Régis.

Para os pessoal que viveu no início dos anos 90, deve lembrar muito bem dos foguetes que explodiam acima das nuvens. Era uma gerra declarada contra a natureza. A história completa está neste vídeo extremamente bem feito pela super equipe da TV Tchô!

Em uma das oportunidades em Fraiburgo tive a oportunidade de conhecer a família do senhor Valeri que foi fundamental na implementação das tecnologias – Neste artigo estão as entrevistas – Um pouco da Russia Lá no Frai.

Parabéns a toda equipe da TV Tchô! Esperamos que mais e mais documentários da nossa região aconteçam, até no futuro vamos desenvolver algo em inglês para contar nossa história fora do país, seria uma ótima!

Greetings Lá no Frai!

 

Pequenos fatos da jovem Fraiburgo

Oi Tchozinhos e Tchozinhas,

Urtimamente as coisas andam bastante corridas, com muitas transformações na vida pessoal e profissional, mesmo assim, quando sobra um tempinho ainda ei de postar mais coisas topinhas sobre a jaguarinha da cidade de Fraiburgo.

Viu, então aí vai umas fotos que encontrei aqui em casa e que foram pelo meu pai, o seu Vadico da Artecouro. Para quem viveu esses anos, são imagens de grande valor, mas para os demais também!

Bueno, como recomendação a todos os interessados na preservação da história da cidade, segue aqui o link do grupo de facebook com o maior repositório de fotos antigas do Frai, vale a pena dar uma negaciada firme!

Este é o link – https://www.facebook.com/groups/1642951382592433/

Um forte abraço e saudações Tchozinhas!