Quem conhece cachoeira Ágony de Fraiburgo?

Está é mais uma de nossas riquezas naturais escondidas bem pertinho da cidade de Fraiburgo. Mas totalmente imprópria para banho, leia mais para entender.

Origem da água

O interessante é o curso dessas águas, que vem do Lago das Araucárias escorrendo pelo arrio até a entrada do bosque da reserva ambiente René Carlos Frey. Passa ao lado da avenida Caçador até o interior da cidade lá para trás do bairro das Nações.

Origem do nome

Ágony é um termo em inglês que significa “agonia” e que representa um pouco do sentimento que sentimos ao ver essa beleza degradada com um extremamente forte.

Nosso trabalho no blog sempre e sempre vai ser de valorizar a identidade de Fraiburgo, seu povo e suas belezas, porém é com muito pesar que temos que publicar essa situação bastante alarmante da realidade.

Situação Atual

Abaixo segue um vídeo mostrando a situação.

https://www.youtube.com/watch?v=FA8pRm-T9CA

Localização

Pessoal, apesar do rio ser propriedade da União, os terrenos ao redor são propriedades privadas e requerem autorização e até de guias para chegar. Por isso nos limitamos a não informar o local específico.

Recomendações

Procure conhecer sua cidade, cuide bem do seu lixo (Fraiburgo) e ajude a divulgar a informação para que mais possas se tornem conscientes e que possam a ajudar de alguma forma a reverter a agonia que nossa Ágony passa. Acudam a ágony!

Feliz 2019 para todos!

Já conhece o Maracujá do Frai?

Talvez conheça talvez não, mas fato é que o maracujá do Frai é muito bom. Ele também é conhecido popularmente como o “maracujá do mato”. Mais uma preciosidade a terrinha!

Este foi o primeiro encontro de um tchô com o maracujá do Mato. Gravado por Iole Dahmer. 

E você, já conhecia? Têm mais informações? Não deixe de comentar aqui em baixo!

Fraiburgo and Amsterdam

Amsterdam é um dos centros comerciais mais importantes do mundo, apesar de ser minúscula, influenciou o mundo moderno graças a visão Holandesa das viagens, do comércio internacional e fluência do povo em diversos idiomas além do seu próprio idioma, o Holandês.  

Amsterdam is one of the most important or influential centers of the world, although it is tiny, it influenced the modern world thanks to the Dutch view of travel, international trade and fluency of the people in several languages ​​beyond their own language, Dutch.

Fraiburgo, por sua vez, é uma cidade recém nascida na história (menos de 60 anos) e mesmo assim o é berço da maçã no Brasil graças ao espírito empreendedor dos fundadores que investiram na cidade e traduziram conhecimentos estrangeiros escritos em Alemão, Francês, Inglês (possivelmente árabe) para para incorporar técnicas(tecnologias) de manejo e plantio da maçã na região na década de 60, conhecimentos que até então eram desconhecidos no continente.

Fraiburgo, in turn, is a city born in history (less than 60 years old) and yet it is the cradle of the apple in Brazil thanks to the entrepreneurial spirit of the founders who invested in the city and translated foreign knowledge written in German, French, English (possibly Arab) to incorporate techniques (technologies) of management and planting of the apple in the region in the 60’s, knowledge that until then were unknown in the continent.

Está é uma pequena homenagem às duas cidades e culturas que fazem parte do “coraçã” (isso sem o Ó no final) do projeto lanofrai! 

This is a small tribute to the two cities and cultures that are part of the “apple heart” of lanofrai project!

Fraiburgo está mais bonita que Videira?

Tchozinhos(as), 

Estão comentando bem forte por aí que Fraiburgo está bem mais bonita do que a bela Videira esse ano, mesmo eles tendo Havan e tudo lá. Mas carcule se não! Abaixo estão algumas fotos que estão viralizando pela região.

O jeito o pessoal vai precisar ir até Fraiburgo e conferir como está ficando a cidade com Chafariz no lago e etc. De repente até a criançada vai alucinar Lá no Frai!

Um abraço para todos os amigos da nossa linda região! Queremos bem a todos! 

Casa do papai noel – Créditos Prefeitura Municipal Tchozina

Casa do papai noel – Créditos Prefeitura Municipal Tchozina
Casa do papai noel – Créditos Prefeitura Municipal Tchozina
Casa do papai noel – Créditos Prefeitura Municipal Tchozina

Transformação digital no Frai

Tchozinhos(as),

Dado a crise econômica que atinge Fraiburgo e o Brasil como um todo, recomendo que as empresas/empreendedores de Fraiburgo tenham seu cadastro no google para terem seus produtos/serviços mais visíveis neste espaço digital.

O cadastro pode ser feito neste link – Google meu negócio

Tanto o cadastro como a construção do site é gratuito e muito simples. Ao termino é enviado uma carta do google pelo correio com o código numérico que vai garantir a autenticidade da localização.

Dicas extras:

  • Escolham fotos bonitas do trabalho, a primeira impressão é sempre importante.
  • Revisem bem os textos, mande aos amigos e peça sugestões
  • Após publicadas, peça aos clientes que eles façam uma avaliação do produto ou serviço neste site. 
  • Acompanhem as estatísticas das visitas e tome ações de marketing quando possível.

Boa sorte a todos e bons negócios, a cidade precisa!

Lá no Frai 7 anos!

Hoje é um dia especial, o projeto “Lá no Frai é assim” está fazendo 7 anos” Legal né tchô! Nesse tempo, foram muitas risadas, milhares de acessos e compartilhamentos de fotos fantásticas, cachoeiras inacreditáveis de Fraiburgo e Região, mêmes, traduções do dialeto tchozino para português e outros idiomas, entrevistas, reflexões tchozinas sérias e muito outra coisas, até boberage apareceu. Enfim, o sopro de vida foi este post –  Onde é Fraiburgo e como chegar lá?  .
E sabem o que é mais legal de tudo? É que este trabalhão todo influenciou direta e/ou indiretamente a vida de muita gente que vive ou já viveu no berço da maçã brasileira, na cidade do lago das araucárias, dos chorões do lago, do castelinho e das pessoas que usam o gerúndio no diminutivo e se comprimentam com o termo “Bão?”. Chega de ficar só escrevendinho e vamos em frente jaguarinhus!
 
Saudações Fraiburguenses!
 

Turbinas eólicas no Frai

Oi pessoal,

Nos últimos dias estive pesquisando sobre alternativas viáveis de projetos de sustentabilidade energética e educação ambiental para Fraiburgo. O primeiro projeto já escrito aqui sobre a geração de energia elétrica a partir da água do lago das Araucárias – Detalhes neste link  Moinho do Lago 

Como continuação também existem outras possibilidades de geração de energia renovável Lá no Frai. Neste post apontamos para a opção da instalação cataventos em diversas partes como no alto da Chaminé, Caixa d´água da antiga vinícula (hoje Big Bom), centro de eventos, e outros pontos altos.

Exemplos:

Turbinas verticais

Cataventos hibridos

Nesta outras opção há a geração de energia tanto solar como eólica e também um design agradável para pontos turísticos.

 

Conclusões

Independe das soluções encontradas ao futuro e também do apoio da população para esses tipos de projetos e iniciativas, é certo que Fraiburgo sempre foi o resultado de processos intensivos de pioneirismo desde a entrada na mata fechada, criação dos faxinais com a bixarada solta até os longos 12 anos de pesquisa sobre a viabilidade da maçã que resultaram na auto suficiência da produção do fruto no país.

Se tiverem mais sugestões, não deixem de escrever!

Abraço tchoinhos(as)!

 

Praça Maria Frey

A praça Maria Frey, construída em 1994 e hoje é um dos principais pontos turísticos de Fraiburgo, não só pelo termómetro (um dos maiores das Américas), mas também pela localização no coração da cidade ao lado do Lago das Araucárias ao pé do morro do Hotel Renar e do Castelinho.

Essa foto é um espetáculo de história, natureza e da arte de artífices locais. O aspecto dos pinheiros Araucárias existentes somente nesta região do mundo faz de Fraiburgo um lugar cada vez mais único no mundo.  Joni Hoppen

praça maria Frey Fraiburgo

Fonte: Projeto Nosso Amado Frai FRAIBURGO/SC Pra quem curte nossa linda e amada cidade… De todos os ângulos —usem #nossoamadofrai —Não pertencemos ao setor Público.