Arquivo mensais:Março 2014

12 obras da humanidade que você vai se impressionar, tchô!

01 – Pirâmides do Egito

Edward Ewert Raimond Spekking

02 – Caixa D’agua de Fraiburgo

DSC_0180 290669_10150348578050672_140463563_o

03 – Ruinas gregas

imgur.comimgur.com3

04 – Castelinho do Frai

castelinho-la-no-frai-vanessa339665_2419620614561_1372781209_31989718_1424851775_o

Continue lendo

Linguística na família Quenorris

– Viu, o paiê! Qualé a maior palavra em compridura da língua tchozina? É anticonstitucionalissimamente ou tem otra? Os piá tavam de fulia com isso hoje na aula! 

Tchô Quenorris, olha para o alto, move a cabeça lentamente, negacia o tchozinho com cara de curioso e responde plena e categoricamente…

– Não tchozinho, me escuite! Essa é uma palavra média, a maior é “otchôrrinolaringologistazãozinhodomiguelão” que dá 42 letras de cumpridura…

  Tchozinho, por sua vez, faz uma cara de espanto como se tivesse visto um relâmpago dando numa araucária…

– Nossa paí!!! Que masssa!!!!!! Mas isso é um tipo de papibiobaquigrafo? 

– Não tchozinho, não é porque é difícil de falar que as palavras tem o mesmo significado… No causo, “otchôrrinolaringologistazãozinhodomiguelão” significa pra nós um tipo de médico veterinário de Fraiburgo especializado no tratamento de ouvidos esquerdos de rinocerontes albinos gêmios bivitelinos semiovoviparos nascidos no bairro São Miguel entre os anos de 1989 e 1992.

– Ahh agora sim! Tendi tudo, o Fraiburguês é uma língua tão boa né?  

– É tchozinho, a gente é lazarento de privilegiado!!! A língua tchozina nos permite se expressá de tudo que é jeito, da até  pra falar de cabeça pra baixo que os outro ainda entendem certinho sem precisá desvirá nada! Enfim, tchozinho, anota aí “Comunicação é o processo de tornar as coisas comuns entre os falantes”. É sempre importante lutar pela clareza e objetividade…

Dia da mulher, comentários de um piriguetchô!

Foi no carnaval de Desterro em 2014 que os comentários de um piriguetchô surgiram! Antes de julgar por favor não seje bardoso e leia até o fim tchô! 

2014-03-08_09-50-40

Amostra científica de indivíduos do tipo Piriguetchô no carnaval de Desterro em 2014 Descendo até o chão!

Vestidos leves dão uma boa liberdade e frescor para as pernas, porém o sutiã é uma panela de retenção de calor absurda. Se tivesse fazendo 40 graus ontem, hoje eu pareceria um palito de fósforo usado…Tchô do céu, mas comé que a muierada guentão? Percebi também que, aumentando o preenchimento dos seios armenta direta e proporcionarmente a auto estima e tamém da uma diminuida no o campo de visão. A droga do batom faz você deixá marca por tudo que mete a boca e depois tem que repor isso, é muito chato, é do djanho…Um vez que o tchô  tá aprumado e pronto para matá a pau surge a pergunta, cadele os borsos? Onde vô ponhá o celular, dinheiro, e os butiá?

Continue lendo