Arquivo da tag: esporte

5 comentários catarinas sobre o país da copa (Suíça) / 5 tchozinus comments about the Would Cup country (Switzerland)

Tchozinhos e tchozinhas,  / Ladies and Gentlemen

Quando tive a oportunidade de passar um tempo na Suíça, queria expor o meu córtex tchozino naquela cultura. Queria conhecer como são as coisaradinhas de lá, aquelas que vão além dos canivetes, queijos, chocolates, relógios, bancos e tudo mais que está sempre associado as coisas boas suíças. Queria “negaciá” de perto o jeitão e o modo de pensar deles, queria saber como se dá a confusão mental das “lúitas” idiomáticas, políticas e culturais entre os estados de lá (chamados de cantões), e de onde se extraí tanta riqueza num país tão pequeno que há 100 anos atrás era pobrezito a ponto de mandar emigrantes para o Brasil. Como resultado, posso dizer que o país da copa é fantástico e abaixo explico o por quê.

When I had the opportunity to invest my time in Switzerland, what I wanted from that experience was to simply expose my cortex to what goes beyond the widely known stuff like knives, cheeses, chocolates, watches and Swiss banks. I wanted very much to grasp the swiss culture in its core. I wanted to see how is the confusion and the struggles between lingual, political, and cultural ties within the country. I wanted to better understand how this country raise and maintain so its wealth in contrast to a not so distant past, which looking back just 100 years ago the poverty expelled people to Brazil for instance. As a result, I can say that this tiny little country is fantastic and below I explain why.

DSC00872

Vista de uma das trilhas nas montanhas / View from the moutains

   

01 – É um país diverso / It is a country of diversity

A Suíça é um país bem pequeno com formato de ácaro (Aquele bichinho que dizem que fica no ar condicionado mesmo!) e fica bem no centro da Europa, mais especificamente nas montanhas que separam a Europa quente (sul) da fria (norte). Ali eles integram e congregam 3 grandes universos de conhecimento, o alemão o italiano e o francês. Há pessoas que falam Romanês e quase todos falam inglês. É um país que assim como a Holanda sempre atraiu e abrigou muitos pensadores que não eram aceitos e até ameaçados em seus mundos por divergirem do pensamento comum. O país da copa, é muito bonito, lá tem montanhas, lagos, vales, florestas, campos, vacas, neve e da pra se “pinchá” em quase todos os lugares com água inclusive nos rios que ficam no meio das cidades. É uma locurage tchô! O país é diverso tanto culturalmente como  geograficamente. 

Switzerland is a tiny country that geographically looks like a mite (yes, that ones in you sofa). Its is located at the heart of Europe, dividing the warm south and the cold north. In there, they integrate and congregate (bring togheter) 3 large universes of knowledge (German, French and Italian). It is a country, in the same way as Holland, that has always attracted and sheltered many thinkers who were not accepted and even threatened in their home lands for posing serious threats to the common thought. The world cup country is beautiful with moutains, lakes, valleys, forests, green fields, cows, snow and you can jump virtually in any part where you see water, even in rivers located in the middle of the cities. From a Brazilian point of view, it is crazy.

Friburgo suíça

Friburgo em francês: Fribourg; em alemão: Freiburg- Lugar onde a língua francesa e a alemã colidem… / Fribourg the capital of the Swiss canton of Fribourg and the district of Sarine the place where the French and German languages colide…

02 – É um país chique e seguro / It is a fancy and safe country

Estava passando por um estação e havia alguns pedintes, não se se poderia chamar eles de mendigos porque se vestiam bem até e quando me pediram algo e não respondi eles trocam o idioma, porque talvez eu não fosse entender o francês ou o alemão. Pra conseguir uma vaga de mendigo ou melhor “Mindingo” tem que ter boa qualificação, se não o mercado não absorve. Além disso, uma vez pedi onde ficava tal lugar, o senhor me explicou tudo e quando pedi se o lugar era seguro ele riu e eu entendi que poderia ficar tranquilo. 

Was going through a train station and there were some beggars, no one could actually call them beggars because they dressed up well. When they asked for something and I did not answer, they promply switch the language, because maybe I would not understand French or German. To get a job as a beggar in Switzerland you have to have good qualification and language skills, if not the market will not absorb you. Moreover, once asked where was a certain place a guy responded and when I asked if the place was safe he laughed at my face and I knew I could relax it is safe.

KONICA MINOLTA DIGITAL CAMERA

Môtiers – Município do Vale da Travessa  do cantão de Neuchâtel  lugar onde trabalhamos – Região francesa. – Val-de-Travers is a municipality in the district of Val-de-Travers in the canton of Neuchâtel in Switzerland

Continue lendo

Introdução ao Tchocobol

Então Galeritcho,

Aproveitando que já estou com a mão na massa nesse domingo, vou escrever um pouco (finalmente) sobre uma descoberta que fiz na Suíça e que incrivelmente tem muito haver com o Frai, ná época em que estive zazando por lá não tinha nem a ideia de fazer o blog, mas de alguma forma os pontos já estavam sendo ligados inconscientemente.  Um dos focos da viagem era conhecer tanto Freiburg na Alemanha como Friburg na Suíça que são relativamente próximas uma da outra. Esse post é sobre o famoso esporte chamado “tchocobol”. Não, pere pere como assim tchô? Parece bizzarro né, mas é verdade, esse esporte de origem suíça existe e é fantástico. Seu nome original é a “Tchoukball” e seguindo a descrição da wikipedia o tchocobol é um esporte coletivo indoor sem contato físico desenvolvido na década de 70 pelo biólogo suíço Dr. Hermann Brandt, com o objetivo de ser uma ferramenta para trazer paz às equipes. Este tchô criou o esporte ao perceber que vários atletas se esgualepavam na prática de atividades físicas e então decidiu, criar um esporte que não permitisse contato físico, como forma de construir uma sociedade humana viável. Incrível né galeritchôs? Nem vou falar mais nada, vou deixar os links abaixo para vocês mesmos pesquisarem  e espero que em breve tenhamos alguns times no Frai e que ele possa ser implementado nas escolas. A ideia é muito genial para ficar no anonimato, uma sociedade humanamente viável e tudo que o Brasil precisa. Abaixo é a figura que me chamou a atenção em Fribourg a qual é tanto uma cidade como um estado (cantão) na Suiça lugar onde a língua Francesa e Alemã se misturam de maneira incrível. A propósito, a cidade esta historicamente relacionada a cidade de nova Fribourgo no Rio de Janeiro, bem aquela que confunde todo mundo quando falamos que somos de Fraiburgo.  

accueil

Propaganda do club de tchocobol escrita em alemão na cidade de Friburgo.

images (4)

Quadra de tchocobol

download

Foto real para garantir que não é uma trova.

Links

Wikipedia – http://pt.wikipedia.org/wiki/Tchoukball

Disputa real que já pra ter uma noção da dinâmica do jogo – http://www.youtube.com/watch?v=oaJ1m-75m84

Matéria em português que apresenta o tchocobol no Brasil – http://www.youtube.com/watch?v=UQhrzDMhXOo

Fraiburgo – 2027

03 -  Lago das araucárias 2027

Ainda com o pensamento no futuro do Frai, segue mais uma foto real de como a cidade será em 2027. Segundo nossas pesquisas de mercado e cruzamento de dados na área de inteligência competitiva, Fraiburgo se destacará por ser um centro de cultura e negócios de alto valor agregado, se tornando um polo de riquezas que deverão girar no entorno do Lago das Araucárias, o qual está 100% limpo, com uma queda d’agua na ponta e uma estação de metro que sai bem na porta da atual casa da cultura.

Before the end of this year, it is time to envision Fraiburgo’s future, more precisely the year 2027. But why, 2027? Bucause it is a year that looks nice. According to our market research in big data sets and competitive intelligence, Fraiburgo will become a remarkable culture and business centre in Brazil, which its wealth will circulate around the Araucárias’ lake. This in turn, will be 100% water clean, with small artificial waterfalls and a metro station in front of the Culture House.

Como um centro internacional de turismo, Fraiburgo terá placas indicativas de cultura, história em lazer espalhadas pela cidade em inglês, português, espanhol e Fraiburguês. A população atenderá os visitantes usando todos esses idiomas. Vários pontos da cidade trarão informações precisas e inéditas feitas sobre as cidades vizinhas pois hoje e no futuro o tempo será cada vez mais precioso e por isso os viajantes que no geral terão ambições intelectuais e culturais crescentes, preferirão visitar Fraiburgo para entender a dinâmica de toda a região de uma só vez. O grande diferencial da cidade em relação a todas outras no Brasil será sua história baseada na diversidade cultural, étnica e religiosa e sua capacidade de estar aberta às inovações.

As an international tourism centre, Fraiburgo will have signs all over the city with information about Brazilian and local culture, history and leisure in English, Portuguese, Spanish and Fraiburguese. Its population will, certainly, be able to atten visitors using all these idioms and even some dialects. Many parts of the city will bring information about the neighbouring cities since from now on the future of tourism will be to get as much as information and culture with the less time possible as long as the peoples intellectual needs are satisfied, they will prefer to visit only one place where they can not only experience the place but also have a holistic view of the region.

Os principais pontos turísticos da cidade serão:

  • Hotel Renar, a casa da cultura e o centro de ski artificial do hotel;
  • Museu da maçã;
  • Lago das Araucárias com as cachoeiras artificiais, chafarizes, pedalinhos e a preservada ilha;
  • Castelinho;
  • Moinho Holandês;
  • Dinossauros do bosque da Renar;
  • Pista de rolimã do bela vista;
  • Parque museu do papel na extinta Trombini que também abrigará a UFDF (Universidade Federal de Fraiburgo);
  • 5 mirantes cruzados incluindo o da chaminé;
  • Relógio na Caixa d’agua da BigBom;
  • Teleféricos que cruzam a cidade e o centro de eventos.
  • O tabuleiro de xadrez gigante na praça Maria Frey, lugar onde as músicas, peças teatrais e filmes tomarão forma.

Os principais esportes da cidade serão o Xadrez e o Tchocobol (em breve apresentaremos esse famoso esporte suíço). A cidade será um praticamente um parque de aventura em constante transformação e nunca pronto, pois estará sempre evoluindo. Enfim, será um lugar onde as pessoas vivem e também desfrutam de tudo junto com os incessantes visitantes do mundo. Mais ideias para o Frai? da uma olhada nessa outra lista lá levantada um tempo atrás pela galerinha! http://lanofrai.com.br/tag/fraiburgo-nota-1000/

The great advantage of the Fraiburgo will be its history, which is based on deep cultural, ethnic, and religious diversity and its capacity to be endlessly opened up for innovations.

 The mains tourism attractions will be:

  • Renar Hotel and its artificial ski lanes;
  • The apple museum;
  • The Araucárias’ lake with artificial waterfalls, several fountains, paddle-boats and its well preserved island.
  • Gravity races – ball bearing billy carts;
  • The little castle so called Castelinho;
  • A Dutch windmill;
  • The dinosaurs of the Renar forest;
  • The paper museum of the extinct paper production Trombini, which will also be the Federal University of Fraiburgo;
  • 5 overlooks including the central chimney;
  • The big clock of of the central water tower;
  • Big chess table at the Maria Frey square, where music and movies will take place;
  • The main sports of the city will be chess and tchoukball.

All in all, the city will be just like and amusement park that is constantly changing and never finished since it will be always evolving to something else. It will be a place where the people work, live and have fun and joyful moments.